A MAPFRE aderiu recentemente à Rede Mundial de Empresas e Deficiência da Organização Internacional do Trabalho (OIT), reafirmando assim o seu compromisso com as pessoas portadoras de algum tipo de deficiência e o apoio à sua inclusão no mercado de trabalho. O Presidente da MAPFRE, Antonio Huertas, assinou os dez compromissos desta Rede:

  1. Respeito e promoção dos direitos das pessoas portadoras de deficiência;
  2. Não discriminação;
  3. Igualdade de tratamento e de oportunidades;
  4. Acessibilidade;
  5. Permanência no emprego;
  6. Confidencialidade;
  7. Atenção a todos os tipos de deficiência;
  8. Colaboração;
  9. Avaliação;
  10. Troca de conhecimentos.

Ajudar a aumentar a consciência da relação positiva entre a inclusão de pessoas com deficiência nas empresas e o seu crescimento económico é um dos objetivos da Rede, uma vez que existem mais de mil milhões de pessoas com deficiência no mundo (15% da população mundial).

O compromisso da MAPFRE em apoiar uma organização com este tipo de objetivo não é novidade e faz parte do plano estratégico da empresa. Atualmente, há mais de 1.000 pessoas com deficiência a trabalhar na MAPFRE, o que representa 3,4% da mão-de-obra global, superando a meta estabelecida de 3% para o triénio 2019-2021.

Através desta Rede, criada em 2015, a MAPFRE partilhará conhecimentos e experiências relacionadas com esta temática, ao mesmo tempo que participará em grupos de trabalho que exploram abordagens inovadoras para promover a inclusão de pessoas com deficiência nas suas forças de trabalho.

A adesão à Rede reforça também o apoio da MAPFRE aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), principalmente o SDG 10 (reduzir as desigualdades) e o SDG 17 (parcerias para alcançar os objetivos).