Hoje em dia, independentemente do destino, estar conectado de forma contínua faz parte do plano de qualquer viagem. Ao embarcar na próxima aventura, aconselhamos especial atenção à cibersegurança fora de casa, seguindo alguns hábitos simples, que ajudarão a proteger os dispositivos e que evitarão problemas maiores.

Hábitos simples, como ter cuidado com a utilização de redes Wi-Fi públicas e ativar as funções de segurança para proteger e encontrar os dispositivos podem fazer toda a diferença

Antes das férias, confira esta lista de segurança simples para acrescentar à rotina:

  1. Poucos dispositivos: limite a quantidade de dispositivos a levar, porque quantos mais, maior é o risco.
  2. Configure a função "encontrar o meu telefone" nos dispositivos: isto permitirá localizar, apagar remotamente os dados e/ou desativar o dispositivo caso vá parar às mãos erradas;
  3. Proteja os dispositivos com password: certifique-se de incluir um código de acesso ou função de segurança adicional (como impressão digital) para desbloquear o telefone ou o dispositivo móvel em caso de perda ou roubo.
  4. Controle os seus serviços online e redes sociais: configure a privacidade e segurança dos serviços web e aplicativos. Não há problema em limitar como e com quem partilha informação (como a partilha de localização), especialmente quando estiver fora.
  5. Atualize os sistemas e softwares: antes de iniciar uma viagem, verifique se todos os softwares de segurança estão atualizados nos diferentes dispositivos. Mantenha-os atualizados durante a viagem. Ative as atualizações automáticas. 
  6. Faça um backup: se não aproveitou um momento para fazer uma cópia de segurança, faça-o antes das merecidas férias. Em último caso, poderá recuperar todas as informações incluídas no backup.

Depois das atualizações e backup feito, há mais alguns passos para garantir a total segurança quando em movimento:

  1. Partilhe mas com cuidado: pense duas vezes antes de publicar fotos que possam indicar a sua localização. Poderá fazê-lo com maior segurança quando já estiver em casa.
  2. Cuidado com os serviços de localização: as ferramentas de localização são úteis para conhecer novos lugares, mas também podem expor a sua localização, mesmo através de fotografias. Desative os serviços de localização se não forem utilizados.
  3. Pontos de acesso Wi-Fi: não transmite informações pessoas nem realize compras em redes que não sejas seguras. Em vez disso, utilize uma rede privada virtual (VPN) ou o seu próprio telemovel como ponto de acesso pessoal para navegar de forma segura.
  4. Desligue o Wi-Fi e o Bluetooth quando não estiverem em uso: os dois quando ligados rastreiam a localização, por isso é mais seguro desligá-lo em caso de inutilização.
  5. Interrompa a conexão automática: desative a conectividade remota e o Bluetooth. Alguns dispositivos procuram e conectam-se automaticamente com as redes sem fios disponíveis. O Bluetooth permite que o seu dispositivo se conecte sem fios a outros, como aparelhos de aúdio ou sistemas de entertenimento de automóveis, por exemplo.
  6. Ao compartilhar computadores, não partilhe informações: intensifique as suas preocupações nos computadores públicos.


Viaje em segurança!

#CiberCulturaMAPFRE