Começar a pensar e preparar a reforma... como fazer? 
 
A verdade é que quanto mais cedo prepararmos a nossa reforma, melhor... Assim, evitam-se surpresas de última hora quando já não há tempo para reagir.

Deixamos aqui algumas dicas importantes que estão ao alcance de todos, para que trabalhe com os seus clientes o planeamento das suas reformas:
 

Dica #1
Dica#1

O que quer fazer? Como se vê nessa altura da sua vida? Que objetivo ou sonho pretende concretizar?
Dependendo do plano que traçar para esta etapa da vida, as necessidades de poupança serão diferentes.
Especialistas referem que manter o nível de vida anterior à reforma será necessário dispor de 70 a 80% do rendimento que auferia antes de se reformar.
 

Dica #2
Dica#2

É importante que tenha uma estimativa aproximada do montante da sua futura pensão de reforma. Desta forma, pode estimar as poupanças necessárias para complementar a sua pensão e, assim, manter o nível de vida desejado. Tanto a Segurança Social como a maioria das instituições financeiras têm simuladores e ferramentas online que permitem fazer uma estimativa razoável e fácil daquilo que será a sua futura reforma.


Dica #3
Dica#3

A ferramenta mais poderosa que tem para planear a reforma são as suas próprias poupanças. Começar a poupar cedo e de forma regular é o segredo. Porque? Porque o tempo e a taxa de juro composta jogam a seu favor.


Dica #4
Dica#4

Os Planos Poupança Reforma continuam a ser os produtos financeiros com melhor tratamento fiscal para a poupança a longo prazo, especialmente para a reforma. Lembre-se de que as contribuições para os planos de pensão reduzem a base tributável do Imposto sobre o Rendimento, para que todos os anos possa notar os benefícios de poupar para a reforma.
 
Na MAPFRE poderá encontrar duas soluções que se ajustam às suas necessidades e perfil:
  • PPR Garantido: para o cliente que previligia a garantia de capital.
  • MAPFRE PPR Up: para os clientes que pretendem elevar o potencial de rentabilidade das suas poupanças, com risco protegido. Esta solução permite obter o melhor de dois mundos: os benefícios fiscais de um PPR e a elevada rendibilidade de um fundo de investimento com 25 anos de história, graças à profissional e rigorosa gestão do fundo realizada pela MAPFRE Asset Management, S.A.
     

Dica #5

Dica#5

Diversificar as suas poupanças de reforma entre diferentes ativos financeiros permite-lhe reduzir o risco e, a longo prazo, melhorar a rentabilidade dos seus investimentos. 


Dica #6
Dica#6

Não cair no erro de, passado um longo período de tempo e de esforço a poupar, utilizar as poupanças acumuladas para qualquer outro objetivo ou desejo que possa surgir, excluindo, naturalmente, questões de força maior. De salientar que a liquidez é uma das vantagens dos PPR, estando inclusive previstas na lei várias condições de reembolso sem qualquer penalização para o cliente. Para o efeito, recomendamos a visualização deste vídeo da ASF de 4 minutos.


Dica #7
Dica#7

É aconselhável rever o Plano de Poupança Reforma após qualquer evento relevante que aconteça na vida do cliente e que possa ter impacto nele (exemplo: nascimento de filhos; receber um prémio ou herança, etc.)
Esta é a única forma de saber se está ou não a cumprir os seus objetivos, permitindo ajustar o plano na medida que for necessário.

 

Agora que já reuniu todas as informações, os nossos clientes já podem considerar fazer o seu complemento de reforma privado e, assim, viverem mais tranquilos.

E perante uma doença grave, uma invalidez também estamos protegidos? Para usufruir da vida em pleno de forma consciente, os nossos clientes devem proteger-se a si e às suas famílias!