O Laboratório de Mobilidade da MAPFRE, o CESVIMAP, iniciou a participação no programa Horizon Europe através do projeto BATRAW

Financiado com 10 milhões de euros, o projeto tem como objetivo reciclar baterias recuperadas de veículos elétricos inutilizáveis, aproveitando os materiais. Desta forma, reduzir-se-á a pegada de carbono associada à eletromobilidade, graças à atuação sobre o fabrico de baterias. O projeto é ainda composto por mais 17 parceiros de 7 países diferentes.

Cobalto, níquel, manganês, lítio e grafite

Estes são alguns dos compostos com que se fabricam baterias e são de importância estratégica para a União Europeia, uma vez que é necessária uma oferta estável para garantir o crescimento sustentável da mobilidade elétrica nos próximos anos. 

O CESVIrecambios, Centro Autorizado de Tratamento de Veículos em Fim de Vida da CESVIMAP, fornecerá ao grupo de trabalho baterias de veículos elétricos desativados e a tecnologia que desenvolveu para demonstragem, reparação e substituição de baterias. Como especialista em veículos eletrificados, desenvolverá métodos otimizados para desmontagem de baterias, fornecendo também ideias chave para o projeto, reutilização e reciclagem.

O projeto BATRAW inclui dois testes piloto com baterias de veículos elétricos, embora estes possam ser estendidos, dependendo dos resultados, a outros tipos de bateria, incluindo domésticas, para recuperar todos os metais e materiais que contêm cobalto, níquel, manganês, lítio, grafite, alumínio e cobre. As principais informações obtidas durante o projeto serão dispniilizadas a todas as partes interessadas por meio de um passaporte de bateria difital, armazenado no blockchain do Minespider.

O projeto (convénio de subvenção 101058359) tem um orçamento total de 13.212.811€, dos quais 10.236.986€ são financiados pela Comissão Europeia no âmbito do programa Horizon Europe, o principal programa de financiamento da UE para pesquisa e inovação para 2021-2027.

cesvimap

Relacionado

CESVIMAP supera 8 milhões de visualizações no YouTube